Suspenso


Ainda quero vir aqui falar sobre a casa pronta, principal motivo destes posts de sexta-feira mas por enquanto, tudo parado, suspenso...

Suspenso pelo tempo que estamos passando, suspenso pelas desculpas sem sentido de quem constrói.

Tem pessoas que não saíram da escola. Suas mentes continuam lá, de forma infantil acreditando mesmo naquilo que falam para justificar a demora em finalizar seus trabalhos.



Já fui assim, protelava por motivos sem importância para não terminar algum trabalho e nossa, como lembro do meu pai!

Ele, um homem que teve um sucesso imenso aqui no Brasil, após ser abandonado pelo seu pai e chegou a dormir em banco de praça. Trabalhou sem pensar que cansaço existe e venceu! Teve sua família, casa, empresa, viagens e um nível de vida bastante alto.

Começou do menos 100 como sempre digo, pois não tinha absolutamente nada, sua família o esqueceu por muito tempo e só voltou a lembrar dele quando ele teve dinheiro.



Lembro como ele ficava enojado quando eu dava qualquer desculpa para não varrer o quintal. Eu dizia que era o vento que não deixada.



Hoje, sou determinada, busco pela excelência em tudo que faço e jamais dou qualquer desculpa para atrasos, pois não tem atraso. Faço dentro do prazo e pronto, sou adulta, consciente do meu trabalho.

Sabe levar à sério? Se organizar com a infinita tecnologia que temos hoje em dia para sermos lembrados dos compromissos e uso muito desde o Alexa, Google agenda, Google Keep entre outros aplicativos.

Já fui do tipo que tinha agenda e nem olhava para ela, me perdia bastante na verdade.



Mas tem outro lado também. Muitas vezes, ainda mais agora com nossas vidas controladas pela 3o. guerra mundial, as pessoas perderam a noção do tempo e quantidade de trabalho possível para um ser humano.



Já coordenei equipes de trabalho diversas vezes e sei que temos também que saber dosar para não exceder a capacidade humana.

Hoje estou avaliando a quantidade de trabalho e minha capacidade física para entregar com qualidade e manter minha saúde.



Tenho que me cuidar, pois na ânsia de querer antecipar, acabo adoecendo pela quantidade imensa de tempo que me dedico.


Mas não é fácil, nem todos tem condições de conversar para entrar em um acordo equilibrado e ficam doentes. Rezo para que seus clientes e empresas entendam que estamos em um momento atípico. Temos que lidar com um inimigo invisível, trabalho escasso (acabando na verdade) e a incerteza se nosso planeta continuará e como continuará.



Voltando à casa, desisti de insistir em sua finalização. Só ouvindo as desculpas sem fundamento, outras com motivos e esperar que um dia ela fique pronta.

A demora em construção de casas no Brasil, ou pelo menos em São Paulo, tem mais a ver com a falta de comprometimento do que pelos processos de construção e assim, logo serão dois anos esperando para que a casa fique pronta.


Se ficar né? Mas acalmei meu coração e encontrei uma solução caso essa finalização não se concretize e se isso acontecer, conto aqui.


9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo